Casa Carandaí completa três anos e cria marca própria

0
743

Prestes a completar três anos, a Casa Carandaí comemora a data com o lançamento de uma linha própria de produtos alimentícios. O restaurateur Janjão Garcia, sócio e fundador da delicatessen, no Jardim Botânico, Rio de Janeiro, desenvolveu inicialmente cinco itens principais ramificados em um total de 26 produtos. A marca é dividida entre “Produtos Feitos na Casa” e “Seleção da Casa”.

A linha de produtos feitos na casa reforça a vocação da padaria e conta com três variedades de pães de leite em embalagens de 14 a 15 unidades – almofadinha (R$ 9,50), mini cachorro quente (R$ 9,50) e almofadinha com queijo mineiro curado (R$ 11) – além de grissinis de alecrim com parmesão (caixa com 150 gramas / R$ 15). Os grissinis, que integram o couvert do Lorenzo Bistrô – restaurante vizinho à Casa Carandaí também comandado por Janjão – desde sua inauguração há seis anos, sempre foram um sucesso de vendas. “Atendemos a uma demanda espontânea, pois muitos clientes do Lorenzo Bistrô já pediam os grissinis para viagem. Mas como é um produto sensível e está propenso à quebra, desenvolvemos uma caixinha super charmosa que pode ser carregada”, explica Mariana Garcia, gerente de marketing e operações do grupo. Se a demanda já era grande – mais de 700 porções eram feitas por mês – a expectativa é de dobrar a produção a partir de fevereiro de 2015.

Já a “Seleção da Casa” reúne produções de fornecedores parceiros que adaptaram suas receitas para atender ao novo padrão, com receitas exclusivas assinadas por Janjão. Em comum, o porte dos parceiros: todos pequenos produtores de cidades afastadas de grandes centros, que valorizam a produção artesanal. É o caso da goiabada produzida em Ponte Nova, Minas Gerais, que o empresário conheceu através de um amigo da região. “Ganhei de presente e gostei tanto que passei a encomendar com frequência. Até o dia em que conheci a produção, toda feita no tacho, e soube que eles corriam o risco de encerrar o negócio por falta de verba. Decidi investir neles, coloquei dinheiro e recebi em goiabada, mas não sem antes ajustar a receita”. Após inúmeros testes, o produto reduziu consideravelmente a quantidade de açúcar. O resultado é uma goiabada cascão pastosa, para ser saboreada em colheradas e apresentada em uma imponente lata de 800 gramas (R$ 24).

Outro exemplo de parceria é a bananada com canela (550 gramas/ R$ 24). “Estava em Ponte Nova fazendo as primeiras adaptações da goiabada quando conheci esse outro pequeno produtor. Queria um resultado um pouco menos rígido e com toque de especiarias”, recorda Janjão. A receita final leva canela e um toque de cravo. Completam a linha “Seleção da Casa” 20 variedades de mix de nuts e frutas secas (de R$ 8 a R$ 34, embalagens de 200 gramas).

O lançamento da linha completa será amanhã, sábado 7. A goiabada já pode ser encontrada nas prateleiras em pré-lançamento e promete ser um sucesso: as primeiras 500 embalagens se esgotaram em 15 dias. www.casacarandai.com.br