Você sabe o que faz um chef de cozinha e qual é a diferença entre cozinheiros e chefs? Talvez venha como uma novidade, mas não é a graduação no curso de Gastronomia que leva ao título. Quem estuda culinária torna-se cozinheiro, mas a jornada para ser chef é mais longa e árdua. Isso porque esse profissional comanda todo o time que trabalha em uma cozinha. O sous-chef, os chefs de partie, os cozinheiros e os demais profissionais recebem ordens do chefe executivo, que administra a equipe. Além disso, é ele quem cria o conceito da culinária praticada no local. Cria e testa receitas, monta cardápios e pensa no estilo e harmonia dos pratos.

É fato que a importância da profissão é tamanha que ela ganhou um dia inteirinho em sua homenagem. O Dia Internacional do Chef é uma iniciativa da World Association of Chef’s Societies, organização internacional fundada em 1928, em Paris, que reúne chefs de cozinhas. Foi essa instituição que decidiu, em 2004, que 20/10 seria o dia desse profissional. Com o objetivo de popularizar a profissão e alertar sobre a importância do alimento saudável e bem preparado, bem como sobre o desperdício de comida, a WACS propõe aos chefs que realizem atividades em escolas e creches.

Além disso, é claro que a comemoração inclui muita gastronomia. Em clima descontraído, os chefs participam de competições e preparam pratos autorais, mostrando suas habilidades. O evento ganhou proporções maiores e é comemorado por muitos que não são afiliados ao WACS. O Brasil ainda não recebeu nenhuma edição do evento da organização, que comemora anualmente a data em um dos países membros. Entretanto, isso não nos impede de celebrá-los.

Por aqui, temos nomes como Helena Rizzo, Alex Atala, Claude Troisgois, Roberta Sudbrack, Rodrigo Oliveira e Jefferson Rueda, condensando uma extensa lista de talentos. Lá fora, Gordon Ramsay, Massimo Botturi, Paul Bocuse, Joan Roca, Dominique Creen e Elena Arzak são alguns dos nomes de destaque.

A chef Anne Burrell estudou no Culinary Institute of America e, posteriormente, na unidade italiana da instituição, de onde tirou seu conhecimento sobre a culinária do local, característica marcante de seus pratos. Além disso, trabalhou nos melhores restaurantes de Nova York, sempre trazendo à tona seu estilo rústico, que preserva o sabor dos alimentos. Atualmente, dá aula na escola em que aprimorou seu conhecimento sobre gastronomia – o nova-iorquino  Culinary Institute of America –  e comanda o programa “Procura-se um Chef”, transmitido pelo Food Network. Nele, ajuda renomados restaurantes a encontrar o candidato certo a chef.

portal-gosto-anna-burrell
Chef Anna Burrell (foto: divulgação)

Com a vasta experiência na área, Burrell é uma ótima conselheira e deu dicas de como conseguir o emprego dos sonhos. Veja as sugestões dela:

  1. Procure um trabalho que você amará fazer todos os dias.
  2. Se informe a respeito dos restaurantes, seus clientes e proprietários, não apenas sua localização.
  3. Descubra o tamanho da equipe. É importante saber quanto apoio você terá.
  4. Se pergunte por que deseja este emprego.
  5. Mantenha a calma quando estiver sob pressão.
  6. Se comprometa com uma ética de trabalho impecável, pois o trabalho em restaurantes envolve longas horas.
  7. Não tente impressionar a pessoa que estiver conduzindo a entrevista, seja você mesmo.
  8. Pense em seu currículo: não mude de um restaurante para o outro em pouco tempo. Isso pode indicar que não é fácil trabalhar com você.
  9. Lembre-se que a sua consciência é a chave.
  10. Tenha respeito, seja humilde, evite atitudes negativas e prepare a comida mais deliciosa que puder, aquela que você ama.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here