Lanches de chefs famosos

0
623

Salvar vidas tem sabor especial. É essa a mensagem que a Fundação Pró-Sangue de São Paulo quer passar para quem aderir à “Donation Week” – movimento que estenderá as comemorações pelo Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue (25/11) por toda essa semana. Começou ontem e vai até 29 de novembro. Nesses dias, o tradicional “lanchinho” oferecido após as doações em seis postos da Fundação – entre eles o do Hospital das Clínicas – virão com uma receita exclusiva assinada por grandes nomes da gastronomia.

Serão ao todo 1.500 lanches fornecidos voluntariamente pelos chefs no decorrer da semana, enquanto durar o estoque. Todos os postos da Pró-Sangue serão contemplados com a ação. Na segunda-feira, quem assumiu as panelas foi a chef Bel Coelho, do Clandestino; hoje é a vez de Carlos Bertolazzi do Zena Caffe; e amanhã tem Shin Koike do Sakagura A1. Na quinta, é a vez de Renata Vanzetto do Marakuthai; e na sexta, de Julio Raw do Z Deli Sanduíches. A semana fecha no sábado com a participação de Helena Rizzo, do Maní, eleita a melhor chef mulher do mundo pela revista The Restaurant.

A adesão de nomes desse porte chama ainda mais a atenção do público para uma causa tão importante como a da doação de sangue no Brasil. Atualmente, são coletadas cerca de 3,6 milhões de bolsas/ano, o que corresponde ao índice de 1,9% de doadores de sangue no país.

A Fundação Pró-Sangue Hemocentro de São Paulo é uma instituição pública responsável pela coleta, processamento e distribuição de 12 mil bolsas por mês. A Donation Week foi idealizada pela Publicis Brasil, agência-parceira da instituição há mais de 15 anos. Todos os chefs participaram de forma voluntária da ação.

SEM COMENTÁRIOS