Nespresso apresenta nova linha Decaffeinato de Grands Crus

0
1119

capsulaCafés descafeinados sempre foram vistos com olhos de desconfiança por grande parte dos consumidores da bebida. E foi justamente pensando em oferecer novas experiências e desmistificar a lenda de que espresso descafeinado não é “café de verdade”, que a Nespresso apresenta o primeiro lançamento de 2015, a nova linha de Decaffeinatos da marca. Agora, os amantes dos Grands Crus Arpeggio, Volluto e Vivalto Lungo poderão degustar a versão alter ego destes blends a qualquer hora do dia.

As novidades entram para a linha permanente da marca e serão comercializadas a partir de 19 de janeiro, segunda-feira, em todos os canais de vendas da Nespresso (Boutiques, no telefone 0800 7777 737, no site www.nespresso.com e aplicativo mobile gratuito disponível para iPad, iPhone e Android), por R$ 18,00 o sleeve (embalagem com 10 cápsulas). Os três blends chegam para completar a linha de quatro cafés descafeinados juntamente ao Grand Cru Decaffeinato Intenso.

Arpeggio Decaffeinato (intensidade 9)
Este Grand Cru tem o mesmo caráter diferenciado, o corpo do icônico Arpeggio e as mesmas notas intensas de cacau torrado, provenientes de uma combinação de Arábicas das Américas Central e do Sul.

Volluto Decaffeinato (intensidade 4)
Equilibrado, esse blend tem os mesmos aromas complexos do Volluto original, além das notas doces de biscoitos e frutas suaves, resultantes de uma combinação de Arábicas do Brasil e da Colômbia.

Vivalto Lungo Decaffeinato (intensidade 4)
Com o mesmo caráter equilibrado do Vivalto Lungo original, este lançamento resulta em notas de torrado levemente amadeiradas, notas doces de cereais e uma sutil nota floral resultante de um blend complexo de Arábicas da América do Sul e da Etiópia.

Decaffeinato Intenso (intensidade 7)
Arábicas da América do Sul altamente torrados, com um toque de Robusta revelam as sutis notas de cacau e cereais torrados deste encorpado Espresso Decaffeinato.

Café de verdade, mas descafeinado

A Nespresso utiliza dois processos naturais para remover a cafeína do grão verde, sem alterar a qualidade do café, os sabores e os aromas da bebida na xícara. O primeiro é feito por meio da água, em que o grão é lavado até que a substância seja removida. Já o segundo é realizado por método de dióxido de carbono pressurizado, em que o grão ainda verde é umedecido com água e colocado em uma centrífuga.

Um simples grão de café contém mais de 1.500 substâncias e a cafeína é uma delas. Os processos de descafeinização utilizados pela Nespresso, por serem naturais, não modificam as propriedades naturais dos grãos.

SEM COMENTÁRIOS